29 de nov de 2011

Não gabaritei

Você tem uma história curiosa, engraçada, cabeluda?
A sessão "Conta pra mim Déo" é feita por você.
Mande sua história no caiforadeo@gmail.com que eu conto...

Esta história que eu vou contar é da Deodorense "Cristina"

Conheci um rapaz numa situação fora do comum: estávamos na busca de uma vaga num concurso público. Era um domingo de manhã - pausa - tive que acordar as 4 da manhã porque teria que cruzar a cidade, não estava nem arrumadinha tipo "to indo pra balada" estava tipo "acordei muito cedo peguei a primeira roupa que vi e sai" e justamente nesta situação aparece o cara em questão - nos trombamos no ônibus (é incrível como pessoas estranhas conversam muito numa hora destas...parece balada porque o papo rola fácil, os interesses são comuns, mesmo porque somos concorrentes).

O incompetente e sem noção do "meu" cupido fez todo o serviço sujo.
Como o nome dele começava com a mesma letra do meu estaríamos em salas próximas.

Informações adicionais do "moçoilo" - ele não era lindo ou bonito, mas o jeito que ele falava comigo me encantou logo de cara! Ou então foi minha carência que me cegou...(mais provável esta opção)

Claro que eu fiquei toda contente: posso não passar neste concurso mas já tirei a sorte grande. O que importa é ser feliz, dinheiro e estabilidade a gente arruma depois! - isto foi a mensagem enviada do "meu cupido"

Ele me acompanhou até a porta da minha sala e combinamos de nos encontrar no pátio da escola - quem saísse primeiro esperava o outro... - ai já vejo nossos filhos perguntando "mamãe, mamãe como vocês se conheceram???" Foi num concurso público!!! ahhhhhhhh, a vida é bela  : )

Não pensei em outra coisa durante a prova a não ser no meu pretendente.

Esperei horas para levar o caderno de respostas para fora, só faltei desenhar corações na carteira mas fiquei com medo do fiscal constatar que sou louca e para isto não precisaria ser diagnosticada lá ne? Com o caderno de resposta teria assunto no caminho de volta - pensei.

Erro 1 - esperei por ele no pátio até os professores, orientadores, ajudantes sairem do local

Decepção 1 - ele não apareceu

Como havíamos trocado telefone fiquei esperando ele ligar, já que eu não ligaria. (isto me custou muitas caixas de bombom)
Ele ligou no meio da semana seguinte!!!!

Aeeeeee e combinamos de sair no domingo a tarde assim que nos vimos ele me levou numa pracinha conhecidíssima do bairro. Ele era fantástico: me agarrou, me beijou e eu fiquei tão molinha, q escorreguei na frente do banco, no assoalho do carro - até hj não entendo como fui parar ali!!!! 

Para dar uma variada fomos para fora do carro e lá ele descobriu outras formas de me agarrar (justo eu que detesto exposição em público).

Decepção 2 - Na primeira oportunidade ele comentou que eu não deveria ter "isto" porque eu fazia natação.

Isto é = a minha pochete na altura da cintura ou borda recheada de pizza, o que preferirem...

Erro 2 - não respondi nada a ele e ainda fiquei sem graça.

Devia ter dito que toda gordinha que se preze tem esta bordinha!!! E todo homem que se preze e gosta de gordinha ama uma bordinha.
O celular dele que estava dentro do carro tocou ele atendeu e voltou dizendo que era melhor irmos embora. Eu ainda estava pensando na borda recheada e pensando como mandar ele para aquele lugar sem ser tãooooo mal educada assim, mas como a gente combinou de sair de novo pensei - na próxima eu dou o troco e falo que costumo fazer caridade mensalmente, mas no caso dele estou livre por uns dois ou três meses!!!!!

Olha só que curioso...justamente no dia que combinamos de sair ele ligou na minha casa e contou que não poderia ir porque tinha sofrido um acidente de carro - uau! quanta consideração - ganhou uma estrelinha.

Mais tarde liguei na casa dele...
Oi, boa noite desculpe pelo horário gostaria de falar com o Max é a Cristina. Fiquei sabendo do acidente queria saber como o Max está. (seu nome: Maximiliano, Max, para as íntimas ou tontas como eu)

Irmão do ser humano: Um aci...kkkkkkkk...dente??? É...ahnnn, bom, ah, é, não sei. Eu não estava em casa...qual é o acidente mesmo????

Desliguei na mesma hora...arrasada
Não tive outra saída senão procurar na lista telefônica online pelo número de telefone que eu tinha para descobrir seu endereço. Depois de várias horas eu encontrei!!!! 

Na falta de um GPS levei um guia de endereços para o trabalho (sim, aquele grandalhão).

Peguei emprestado o carro da minha mãe contei tudo que aconteceu para uma amiga para que ela fosse minha cúmplice (mulheres nestas horas são mega unidas)

Me disfarcei: usei um lenço na cabeça, óculos escuros e pedi para ela olhar na garagem se o carro estava batido -  o carro estava inteirinho!!!!! E para ajudar tinham crianças brincando na garagem!!!!

Pensei em 1001 coisas: fazer barraco na casa dele, conversar com as crianças para saber quantas daquelas eram dele mesmo porque tinham umas 5 lá brincando. Dizer que se ele quer pau de virar tripa fique com a esposa e que eu tenho muito mais sustância que ela, mas ao final, respirei e fui contar esta estória para um amigo e ele fez a pergunta mais sensata que eu podia ter ouvido:
- " Depois de tudo isto você ainda quer algo com ele?"
- Não!!!!!!
- " E você vai fazer ele se sentir o máximo por saber que se sacrificou a este ponto para descobrir tudo?"
- " Não...É.... você tem razão! 
Depois disto deixei tudo isto pra lá...e encerrei o caso!!! 

Cris, só posso dizer duas coisas:
1 - o cupido não é só tapado com você não to eu aqui para te fazer cia!
2 - depois detalha a descrição deste sujeito que se eu encontrar eu dou-lhe uma rasteira que ele vai sofrer um acidente mesmo! rssssss

Reações:

11 comentários:

Que filho da mae!
Mas, a Cris vacilou num ponto: deveria era ter mandado esse bunda mole plantar batatas quando viu a pochete dele.
Ah, eu hein?!

Karine a pochete era dela...ela devia mandar ele ir catar coquinho na ladeira isso sim!
Bj da Déo

Vou te contar esses carinhas se acham a ultima bolachinha do pacote...
Por favor quem encontrar com esse palhaço novamente faz o favor e passar a tesoura no bingulim dele...

Retardado MOOOORRR.


Bjokas Déo

Vêeee você está fixada no bingulim dos rapazes rsss

Mas que dá vontade dá

Bjs da Déo

kkkkkkk... Déo agora é assim,pisou na bola fica sem o "instrumento".

Bjokas

Esta foi boa rssss

Bj da Déo

Que idiota. Eu me pergunto como pode haver "homens" assim no mundo. Se não queria nada com ela porq se aproximou? Ninguém o obrigou a isso, ele foi porq quis e se quis porq fez toda essa palhaçada??
Depois nós que somos complicadas.

P.S.¹ - Homens entre aspas porq para mim isso não é atitude de homem.

P.S.² - " o cupido não é só tapado com você não, to eu aqui para te fazer cia!" ² - Acho que é mal dos cupidos de hoje em dia serem tapados --'

Olá,

Sempre achei melhor investir na carreira mas estes trastes nos hipnotizam de uma tal maneira q ficamos sem rumo :(

Bjos

Meninas, ainda espero que algum homem que leia o blog se pronuncie contando o ponto de vista deles...
Deve ter uma lógica em algum lugar do planeta....

Bjs da Déo

Ahh e homem canalha precisa de lógica??! é a diversão deles fazer isso...

Aff!! rsrsrs

Bjs

Laly
Pode não ter lógica em homens, mas em algum lugar do planeta sim!
Adorei a visita

Bjs da Déo!