27 de jan de 2012

Nem tudo da Déo são flores!

Outro dia me perguntaram assim:
" - Mas Déo, você só coloca histórias engraçadas no blog, até parece que tudo isso aconteceu com voce...Quem lê pensa que sua vida é maravilhosa, divertida e tudo passa rápido e sem dor!!!"

Pessoal, realmente tudo aconteceu comigo mesmo, fazer o que?

E nem tudo são flores não, neste post aqui por exemplo eu falei sobre alguém que não me queria e falei inclusive todos os estágios que passamos de fossa...

Também falei sobre os tipos que arranjei pelos sites de relacionamentos neste post aqui, contei sobre a agonia que é de não tocar o telefone depois de um encontro interessante...e assim por diante.

É que eu prefiro contar a parte engraçada da história.

A parte triste ficou comigo enquanto doeu e depois vira história aqui!

Qual a graça de contar para vocês que eu sofri, chorei, esperneei, gritei, mordi o travesseiro de raiva, engordei 5 quilos em duas semanas, mandei cartas anônimas, telegramas em meu nome e tomei fora?

Eu não acho graça contar a parte ruim, prefiro contar a parte boa, mesmo porque vocês me entendem e a maioria já passou por isto ou então conhece quem já passou...

Eu sou assim, não deixo ninguém quieto, gosto de brincar, dar risada e tirar barato das minhas coisas, melhor que tirar barato das coisas alheias e ser processado...não acham?

Também preservo o nome dos beliscos, nenhum nome aqui é o verdadeiro, se por acaso alguém se identificar, fazer o que? Significa que eu descrevi o sujeito exatamente igual ao que ele é!

Qualquer coisa é só falar um Cai Fora Deodora que eu entendo.
Eu penso assim! 
Desta forma eu faço outras pessoas rirem das minhas histórias e se identificarem, já disseram inclusive que minhas histórias são terapêuticas...tava até pensando em abrir uma sessão " Deodora também é terapia" com respostas aos leitores, mas dependo da opinião de vocês para isto.

De qualquer maneira, a vida só pode ser vivida se for na risada...senão ficamos amargos e isto é cruel!

Reações:

7 comentários:

Déeo, adoro os seus posts e o jeito como vc contas os casos. Torna as coisas um pouco mais leve. Mesmo agente sabendo que as coisas não são flores. Que antes de contar aqui, você teve o seu tanto de irritação e tristeza.
Tenho certeza que todo mundo se identificou em algum post. Pelo menos eu me identifiquei algumas vezes.

Quanto a sessão "Deodora também é terapia" eu apoioo =) - seria muito bom...

Bjs e bom FDS !!

Priiiiiiizinhaaaaa querida!!!!!!!! Você é uma fofa!
Sempre lendo e acompanhando o blog, comentando. São pessoas como você que me fazem querer sempre compartilhar meus CAI FORAS aqui...
E rir é sempre bom!!!!!!

Beijão da Déo!

Você que é uma fofa =D

Olá! Temos o prazer de lhe convidar, a conhecer o novo Agregador de Links da web http://nabocadosapo.com.

Venha nos dar o prazer de ter sua presença.

Não deixe de visitar a seção “Parceiros” - http://nabocadosapo.com/parceria e aumente suas visitas. Confira as vantagens.

Na Boca do Sapo – Mais visitas para a sua página

Desde já agradecemos por sua atenção!

Ei Déo! Realmente é a forma como você relata os seus causos que os tornam engraçados. Eu adoro suas histórias e como elas são contadas. Temos que ter essa idéia mesmo de rir daquilo que um dia nos fez sofrer e principalmente não deixar que isso vire marcas dentro de nós. E claro, AMEI a idéia da terapia! Vai ser um sucesso! Beijos!

Deeeeooooo.... sou nova no seu blog.... mas to simplesmente amando seus posts já li a maioria deles.... super me identifico com várias histórias aqui.... logo mais quero contar uma das minhas.... hahahha.... vc é demais!!!! escreve mais por favor.... bjo bjoooooo

Michele, seja bem vinda!
Toda semana uma nova história!

Bjs da Déo