3 de abr de 2012

O tiro saiu pela culatra


Você tem uma história curiosa, engraçada, cabeluda?
A seção "Conta pra mim, Déo" é feita por você.Mande sua história no caiforadeo@gmail.com que eu conto... 

Oi Déo, antes de começar a contar minha história quero dizer que sou uma das suas fãs mais fiéis. Todos os dias leio pelo menos uma história do seu blog. Me divirto muito e não só, também tiro algumas lições de moral com elas.
Meu nome é Ana Laura, tenho 20 anos, sou de São Paulo, porém atualmente moro em Goiânia e sou muito, mas muuuuuuuuito tímida. Quem me conhece me acha uma palhaça, mas com os caras sou uma catástrofe. Gaguejo, caio, faço tudo o que não posso fazer!
A história começa no interior de São Paulo, mudei pra lá no ano passado, por causa da faculdade: cidade nova, sem pais, só com um bando de universitários, bom...tirem suas próprias conclusões! 

Eu adorooooo pagode e lá tem uma cachaçaria que eu e minhas amigas dizíamos que era a nossa segunda casa. 
No primeiro dia que nós fomos, eu e minha amiga Soninha, conhecemos dois caras muito gatos. Me atrevo a dizer que eram os mais gatos da noite e o que eu gostei era o mais lindo. Sabe quando você olha para cima e diz “Deus, desta vez você arrasou”? 
Então, neste nível. O Douglas (amigo do lindo) foi falar com a minha amiga. E eu só de olho. Um loirão lindo dos olhos azuis do lado do cara, dando a maior sopa! Pensei: é ele!

Cochichei com a minha amiga e ela me falou que o cara também gostou de mim, só que estava com vergonha de ir falar comigo.
Não conversamos muito porque estava uma barulheira, ficamos só dançando e na hora de ir embora, eles se ofereceram para nos levar pra casa. Minha amiga e o Douglas no banco de trás, e eu com o meu Brad Pitt na frente.


Eis que ele para em uma rua não muito movimentada, ou seja, quase todas porque já era 4 da manhã de uma pacata cidade do interior de São Paulo. Conversa vai, conversa vem, amasso vai, amasso vem (nós no banco da frente e minha amiga e o Douglas no banco de trás) e depois cada um para sua casa
Não trocamos celulares, e-mails, msn, nada!
Só a Soninha que pegou do Douglas e dias depois convidou ele para sair e  se ele fosse Brad Pitt também iria.
Retirado do blog Vende-se churros

Eles foram, nos encontramos, conversamos e na hora de ir embora, o mesmo esquema da primeira vez: Soninha e Douglas atrás, eu com o Brad na frente, mas chegando na casa da minha amiga descemos para assistir filme, comer, conversar, programinha de casal, ficamos um tempo lá até que o Brad pergunta se quer que ele me leve embora, em outras palavras, mais amassos no carro, chegando em casa ele para o carro e nada de selinho nem nada de nada!!!!
Eu acabei não só pensando como falando alto - você não vai me dar nem um selinho?
Brad - " Tenho que passar em um lugar antes de pegar o Douglas na Soninha".

Acredita Déo? Onde ele ia passar??? Na casa da avó dele para dar a benção? Ou ver a cadela da tia que está passando mal? Ou salvar o gato que tá no telhado da prima? Claro que não ne?

Sai batendo a porta do carro, o portão e tudo o que tinha direito. Comentei com a Soninha o ocorrido e ela tentando me consolar falando que poderia ser problemas no serviço, familia, saúde, irmão etc. Fui esquecendo o caso...

Depois de muito tempo encontrei ele num rodeio da cidade.
Não resisti, mesmo esquema dos lugares no carro que vocês já conhecem. Ele deixou os dois no apartamento da Soninha e foi me levar pra casa. Chegando em casa, ele desliga o carro. Eu olho pra cara dele e sem que ele me falasse nada já fui falando:
- Pra não correr o risco de você me expulsar do carro novamente, eu vou embora antes.
Dei um beijo na buchecha e saí do carro, quando eu estou abrindo o portão ele grita:
“ - Quem disse que eu ia te expulsar? Quem disse que eu quero eu você vá embora?”
Confesso que a carne é tão fraca, mais tãoooooo fraca que chega a ser desnutrida. Voltei pro carro e mais meia hora de amasso.
Mais sumiço só que desta vez minha amiga ouviu eles conversando em viva-voz que ele não queria mais me dar carona e ficar nos amassos no carro, que ele já tinha cansado. Eu fiquei péssima, me achando a pior de todas e mais tudo aquilo que a gente se sente...mas a vingança da mulher é cruel, eu pensei: deixe estar! Vou dar uma sumida e fazer uma volta triunfal!

Ana Laura, uma pausa da Déozinha aqui - Impressionante como nós mulheres temos isto! Sempre queremos voltar melhores para jogar na cara do sujeito OLHA O QUE VOCÊ PERDEU!! E sempre dá certo!

Dito e feito Déo quando sai com eles novamente eu estava com
o vestido, com o salto, uma bela chapinha no cabelo e com a maquiagem. Cumprimentei ele com beijinho no rosto e fui pro pagode.
Dancei, pulei, cantei,
me acabei! E nem olhei pra cara dele a noite toda! Brincava com o Douglas, dava risada, dançava, mas nem lembrava da existência de Brad (quer dizer lembrar eu lembrava, mas estava me esforçando 100% para parecer que ele nem estava ali).

No meio da balada minha amiga me puxa de canto falando que ele foi perguntar pra ela o porquê que eu estava diferente com ele, se ele tinha feito alguma coisa pra mim que ele me achava interessante e tal (vingança fazendo efeito). Falando que ele não parava de me olhar a noite inteira! Ahhhh! Pra quê? Foi aí que eu fiz mais pirraça ainda. 

De lá, fomos todos pra casa de uma outra amiga e quando me vi, estava eu e ele sozinhos subindo a escada do apartamento e sabe o que eu fiz?? 
Nada, pedi licença subi e continuei conversando com meus amigos.

Aquele foi o último dia que eu o vi.
Até me deu remorso de não ter ficado com ele, mas vamos lá ne Déo? 
O que é um beijinho comparado a auto-estima e o ego de uma mulher?
E quer saber mais, indo embora para casa conheci um cara sensacional que por sinal é outra história que eu preciso te contar...
Olha Déo, muito obrigada por permitir que suas leitoras façam parte do Cai Fora Deodora.
Beijinho Déo, PARABÉNS pelo site, muito SUCESSO!

Querida Ana Laura, obrigada pelos elogios e palavras, fico muito feliz que meus leitores se sintam a vontade para contar suas histórias.
Agora quanto ao Brad Pitt só falo uma coisa: está perdoada por ter estado neste iô-iô com ele por tanto tempo, mas somente porque ele é o Brad e Brad tem prioridades, senão, eu falaria que você demorou tempo demais para mandar ele para Hollywood!

Quanto a sua timidez, liga não, todos nós somos tímidos em alguma situação, não é exclusividade sua não!

Reações:

10 comentários:

Fez muito bem! Temos que mostrar pra esses caras que nem sempre é tudo do jeito que eles querem.

Você gostou da atitude dela então Su?

Bjs da Déo

Por isto que eu sempre digo: homem é um puta bicho estúpido...

Anônimos Beijos!

Bora apanhar, Deodora? kkkkkk

Pô, bem que a mulherada podia dar uma folga e de vez que outra, cair dentro, chamar a língua, pegar aquele beijo e tomar as rédeas no momento!
hahahahahh h h ah ah ahahahaha

Mas adoro as tímidas! Porém, elas tem que em algum momento, em algum instante, DAR UM SINAL, uma luz, uma piscadinha ou pelo menos passar a mão na bunda do cara, pra sabermos que elas estão afim!!!!

Adoreiiiiiiiiiii, Deodora!



Beijãooooooooooooooooooo,
Undívago - The Rocket Man...

Undivago, nós damos sinais, vocês que entendem tudo errado (sendo tímidas ou não)

Bjs da Déo

Desculpe Deo...

Mas tem mulher que não é clara e não temos bola de cristal para saber o que vocês querem! Simples: FALEM! Não tem problemas em dizer "gosto disso... não gosto daquilo... faz isto..."

Anônimos Beijos...

Pois é Deo, a ana tem história... eu pensei que no final ela iria falar q o cara era Gay. rsrrsrs
Mas que bom q ela desencanou desse bofe Hollywoodiano, até pq temos sempre q pensar que homem nenhum é bom o suficiente p nos!!!!

http://calcinhasexy.blogspot.com

Inté :*

Oi gente. AH, mas o Brad sabia que eu curti ele. E mesmo assim não fez questão nenhuma em manter contato comigo. Só vinha me procurar no final da balada, como se fosse " AH, JÁ QUE NÃO TEM TÚ, VAI TÚ MESMO". Já eu perguntava dele, toda vez que via o amigo. Enfim, CANSEI ! Mas, recentemente encontrei com ele novamente, e assim que tiver um tempinho extra, conto pra vocês o que aconteceu. Beijo Galera, beijo Déo.

Carol homem nenhum é suficiente, mas a gente aceita um médio suficiente rsssss

Ana Laura, além disto você tem que nos contar do outro que você conheceu no meio do caminho... este ficou faltando saber também!

Bjs da Déo

nossa que loucura essa história
mas meu esse cara é um mané se importando com carro, se não quer dar carona, não precisa para muitas meninas a compania vale mais q td... e outra damos varios sinais q estamos a fim, pq não podemos sair gritando " VC TA QUERENDO EU, EU TBM TO TE QUERENDO..." MAS É ISSO AI ANA (Y) não me ama próximo ;) bju amei