27 de fev de 2013

Sai mais barato pagar o aluguel sozinha!

Você tem uma história divertida, engraçada ou curiosa para contar?
O Conta pra mim, Déo, é feito por você. 
Mande sua história no caiforadeo@gmail.com que eu conto! 

Esta é a história da Cah...

Oi Déo, tudo bem contigo? 
Adoro o seu blog!!! 
Lendo as suas histórias fico mais conformada, lá vai a minha:

Em outubro do ano passado eu estava procurando alguém pra dividir apê e como não sou encanada, não ligava se fosse com mulher ou homem (embora  a convivência com meninos sempre foi mais fácil pra mim).

No meio disto vem um ser dizendo que também estava procurando alguém. Conversas foram e vieram pelo facebook e eu feliz da vida achando que tinha achado uma pessoa legal pra rachar o aluguel. Trocamos telefone e a partir daí o Senhor Mister M começou a me mandar mensagens fofas, falando que tinha adorado falar comigo e blablablá. 

Meu pensamento foi: Não tem como sair perdendo nessa, ou um colega de quarto ou um belisco! Uhulll!!!! Ainda por cima descobrimos que eramos vizinhos, o lugar que eu morava era na frente do prédio dele.

Aí falei pra gente se conhecer, afinal, era só ir pra rua ao mesmo tempo que estava tudo certo, né? Ele topou, mas aí na hora marcada não me respondeu as mensagens e no outro dia falou que o celular estava sem sinal (incrível que só do lado de lá da rua que estava assim, porque a mesma operadora do meu lado da rua funcionou maravilhosamente) e ele postou numa rede social que não tinha sinal, xingou a operadora etc. Pareceu bem plausível.

Fiquei tranquila e continuei conversando com ele. Combinamos várias vezes de nos encontrar mas na hora ele sumia, até que larguei mão. Claro que dei uma pirada nesse meio tempo. Nós mulheres e nossos surtos... 
Num desses bolos fiquei insanamente revoltada e liguei várias vezes só pra confirmar a funcionalidade da operadora (e demonstrar a minha insanidade com homens enrolões). 

É "claro" que ele tinha deixado o celular em casa carregando e esqueceu da hora conversando com um amigo. Exercitei minha paciência e fiquei na minha. Isso foram duas semanas. E as mensagens fofas logo pela manhã e durante todo o dia continuaram. Até que um dia ele mandou uma mensagem falando que queria me ver, depois de fazer muito tipo eu aceitei e encontrei com ele na frente de casa. Ele foi fofo, muito legal, atencioso e rolou uns beijinhos. No outro dia foi tudo lindo e maravilhoso, mensagens e mais mensagens. (isso foi numa terça-feira e ficou combinado de nos vermos na sexta de novo)

Na quarta-feira a noite, o apaixonado por futebol Mister M  falou que ia assistir o jogo e não sei lá mais o que com a turma de amigos de não sei lá onde. Mandou mensagens de boa noite e tudo mais que tinha direito, cheio de amor para dar. 

Só que lá pelas 2 da manhã deste mesmo dia recebo uma mensagem escrita " Vai se F@d#r!" Mandei uma de volta pedindo explicação. Recebo várias de uma menina se intitulando namorada dele, falando que ele estava me enganando, que além de mim havia mais umas cinco. Falei pra ela que se quisesse a gente podia conversar. Ela me ligou e ficamos conversando até as cinco da manhã. Me contou um monte de coisa dele, disse que ele estava bêbado/desmaiado e que por isso pegou o celular dele e denunciou pra mim e pras outras meninas. 

Teoria de que mulheres preferem os cafajestes tem fundamento

As enroladas que ele me deu batiam com alguns horários que ela me passou e para mim estava claro que ele era mesmo o cafajeste que faltava eu conhecer da lista. Ela falou que era apaixonada por ele. 
Eu agradeci pela conversa e resolvi ficar na minha, afinal, já estava confirmado o porque do comportamento estranho dele e também que ele era no mínimo insano. Ah, a namorada também era vizinha e morava no mesmo prédio que ele e no dia que nos encontramos ela estava no hospital com virose. 

Nessa hora eu só pensava "CAI FORA CAH!!!!!"

No dia seguinte ele me mandou uma mensagem fofa de bom dia perguntando se eu tinha falado com alguém a noite. Apenas respondi que sabia qual era a dele e que era pra ele ficar na paz de Deus porque pra mim já estava tudo claro. 
Não respondeu, óbvio, mas dias depois ele teve a capacidade de me mandar umas 15 mensagens me xingando, falando do meu corpo, da minha aparência, dizendo que eu tinha espalhado para todo mundo que a gente tinha ficado, que eu era carente, que ele só quis me usar mesmo e que tinha namorada (e mais um monte de coisas que eu poupo você Déo e seus outros leitores) O.o

Desta vez eu não vi os sinais, eles não foram suficientes, precisei ver desenhado o quadro na minha frente para poder notar! 

Escrevendo essa história pra mandar pra você Déo, estou me dando conta do quanto fui inocente: os sinais estavam claros, bastava apenas eu querer ver!
Resumo da história: tirei minhas férias e esqueci do caso. 

Agora a pouco estava nas redes sociais e vi o perfil da namorada_traída_que_disse_que_não_queria_mais_saber_dele
Adivinha com quem que ela está abraçada ao lado de uma árvore de natal??? 

Acertou quem pensou no Senhor Mister M!!! 
Alô Amor Próprio? Preciso que dê uma passadinha na casa de uma colega! 

Quanto a mim, estou BEM tranquila da vida! 
Desse tipo de belisco estou farta. ;)

Beijoos Déo

Cah, ainda bem que como você mesma disse o Universo conspirou a favor e você Cahiu fora a tempo...quanto a ela, foi escolha e opção dela. Imagina o quanto de vezes que ela não enche ele de bebida alcoólica para ligar para todas as meninas da semana? Não deve ser divertido para ela.

Neste link tem um teste para saber se curtimos um homem cafajeste!

Beijos da Déo!


20 de fev de 2013

Déo carência nos beliscos!!!

Início da ligação:
 - Bom dia Plínio, você fala com Deodora, por favor eu gostaria de fazer cotação do plano X da seguradora Y, você poderia me passar as informações necessárias?
Final da ligação:
- Plínio, muito obrigada pelas informações, seu atendimento foi excelente! Volto a entrar em contato.

Foi só isso que eu disse...nada mais, não elogiei a voz, não perguntei se tinha esposa, filhos, família...nada!

A partir dai foram inúmeros e-mails muito educados, porém ao final sempre elogiando pela minha educação, gentileza e voz bonita.
Como eu estava precisando fechar aquilo o mais rápido possível, precisei permanecer com este corretor.

Até que num determinado momento ele precisou de copia do meu RG e CPF para o processo - fiquei tensa - bingo, ele viu a foto e gamou.

A partir dali foram e-mails me chamando de princesa, flor do dia, luz brilhante...(só faltou rapadura da minha vida...) e eu mantendo a linha, pois além dele ser muito competente havia conseguido umas liberações muito mais rápido do que o prazo que deveria ser! Eu brincava, mas nesta altura já havia passado sua foto para mim...e assim, foto não é nada, mas é um bom começo, e eu preferi sua voz.

Assinatura do contrato:
" - Deozinha querida, vou passar na sua casa para você assinar o contrato e darmos continuidade ao processo! Que horas é melhor para você?"
- Não seria um portador?
" - Não tenho coragem de passar para ninguém esta tarefa e nosso único portador saiu da empresa mês passado, sendo assim eu passo ai"
" Plínio, eu agradeço muito sua ajuda desde o início, mas eu não me sentiria confortável nesta situação"
(socorro, tirem-me daqui!)
" -  Tudo bem Déo querida, vai por correio, melhor assim?"
- Sim!

Eu não sei qual foi a mandinga que ele fez, mas o documento demorou simplesmente QUINZE dias para chegar em casa. Porque o Correio não achou meu endereço e devolveu para eles e ai ele veio em casa entregar no flat.

Quando recebi o documento, achei um pouco estranho porque o que era para ser um envelope, se tornou uma cesta de café da manhã!!!!! E dentro, o contrato. 
Neste momento o que era pra se chamar de "abuso" se tornou "carência" na minha concepção e eu deixei pra lá.

Fechamos o contrato, ele mandou algumas flores e bombons...e acabou me convencendo! Saímos. Eu queria sair correndo, mas não sai, fiquei firme lá. A cada 3 frases, 4 eram "você é linda, muito linda, muito obrigada por ter aceitado sair comigo".

Rescisão de contrato - 
Pedi educadamente a minha conta e fui embora. 
Agradeci por toda a atenção no caso do contrato, agradeci a forma como ele me atendeu neste período e disse aquele típico "nos falamos" que os homens adoram falar para nós.
Ele me ligou algumas vezes com desculpas profissionais, mas o fato é que o cara estava apaixonado por mim. Não tinha feito nada que eu falasse, "nossa que doente", não, apenas se apaixonou por mim, dito por ele desde quando nos falávamos por telefone, antes de foto, antes de tudo. E quantas vezes isto já aconteceu com a gente? 
Fiquei assustada porque não esperava esta situação, mas por outro lado admirei a coragem deste cara que nos seus 40 anos foi atrás daquilo que ele queria. Não deu certo, mas ele tentou. Tem gente que não sai do bairro vizinho para nos ver, ele fez questão de levar o meu contrato em casa! 

Só que deodorenses, eu não sou o tipo de mulher que gosta de cara elogiando a cada espirro meu!!! Não suporto gente grudenta. 

Adoro um confete, mas nada que seja descarado. 
Quando sinto muito mela-mela minha vontade é sair correndo e pedir por favor para trancarem todas portas do lugar para que não escorra mel por nenhum buraquinho...

Será que este problema é só meu?




6 de fev de 2013

E você está onde queria?

Quem está dentro, quer sair, quem está fora quer entrar...
Os seres humanos são muito curiosos.
Desde que o mundo é mundo a insatisfação do homem circula das mais diferentes formas.

Homens solteiros querendo relacionamento (pasmem mulheres, os homens solteiros também querem encontrar a tampa da panela), mulheres casadas cansadas de fazerem tudo sozinhas, homens casados doidos para saírem da relação morna que eles tem (que se resume em - falta de sexo) e mulheres solteiras doidas para entrarem num relacionamento!!!!


Outro dia recebi três ligações diferentes:

" Oi Déo, ai preciso desabafar!"
- Fala Carmem o que tá pegando?
" - Ai Déo, é o Fábio, ele não quer saber de me ajudar com as coisas de casa, só quer saber de cama, mesa e banho, ah e o banho tem que ser comigo para aproveitar a oportunidade! 
- Ué, e isto não é bom? Ele te deseja!
" - Sim, ele me deseja, mas eu tenho que desejá-lo também, mas não dá. Tudo está na minha mão: eu que busco o Pedro na escola, eu que saio correndo do serviço para levar o Pedro para a consulta ao pediatra, eu que tenho que lembrar de dar todos os remédios, vacinas, broncas, comprar os presentes dos amiguinhos da escola dele, comprar a roupa dele, material escolar, uniforme e o Fábio só quer a parte boa, tanto minha quanto do Pedro. Para brincar o Pedro é fantástico, para trocar de roupa "mô, troca ele". Outro dia ele comentou que eu ando desleixada. Déoooo é claro que eu ando desleixada, meu dia tinha que ter 120 horas para caber tudo o que eu faço nele. Nem minha unha eu tenho feito!! Ai eu fico nervosa e brigo com ele"
- E o que você pretende fazer Carmem? Bater um papo? Explicar as coisas para o Fábio? Incluir ele nas atividades com o filho?
" -  Ah não da para falar e nem fazer nada, eu acabo fazendo antes dele fazer porque quando ele se propõe demora muito e eu me irrito, quem mandou eu querer casar né? Olha Déo eu se fosse você não casava viu??" 

Conversa 1 - minha amiga Carmem está esgotada, mas em nenhum momento conversou com o marido e explicou a situação. Homens são práticos, não da para começar a conversa floreando muito, mas você não pode desvalorizar o sujeito. Tem que agradecer a companhia, o afeto, o colo e ai sim começar a dizer o que está acontecendo.
* Muitos casais não conversam e isto é fato. Conversar não é brigar, gritar, espernear ou conversar na hora da raiva. Conversar é esperar aquele momento em que os dois estão de bom humor e colocar as questões de forma clara e delicada. É fácil? Não, mas anos atrás você vivia reclamando que estava sozinha e que queria casar, então agora, invista no que conquistou!

" - Déo!!! Sabe o Sergio? Aquele que eu estava saindo, que disse que era para a gente tentar para ver no que ia dar? Então não deu! Ele simplesmente disse que ele estava se sentindo pressionado porque eu estava fazendo programas de casal com ele e ele não quer namorar. Só que foi ele que no começo insistiu para a gente ficar junto. Eu falei para ele que estava querendo um relacionamento sério e tal e ele concordou, falou que eu tinha uma lista imensa de qualidades, que era legal sair comigo e que mesmo ele não querendo um relacionamento eu era um tipo de mulher que interessava muito ele! Você lembra como eu relutei para começar a sair com ele ne? Sabia que poderia me envolver! 
Agora eu to aqui pensando em qual chocolate comprar!"
- Ai Fê, não sei o que te dizer. Ele pareceu super afim de você! Vem pra cá, vamos tomar uma garrafa de vinho e dar risada! 

Conversa 2 - Minha amiga Fernanda, é e está solteira. Procura por um relacionamento bacana, mas não é do tipo conhece e quer casar, é do tipo conhece se envolve e quer um relacionamento com rótulo namoro. Casamento não é exigência e nem tão pouco obrigação. Não faz cenas, não pressiona, não cobra ações e demonstrações de carinho. Apenas quer o que um grande número de mulheres que eu conheço querem: uma vida amorosa saudável.

* Muitos casais não conversam, de novo. Se você não vai cumprir algo que você pensou em dizer, não diga. Fique quieto ou quieta. Não precisa prometer ou se comprometer a algo que você mesmo(a) sabe que não vai acontecer. Na hora pode parecer bonitinho falar estas coisas para encantar, mas o tempo passa e você acaba se comprometendo à toa. Menos é mais, lembre-se disto.

" - Déo, *&¨%$# o que esta mulherada quer? Eu não entendo! Sabe a Ana? Tô afinzão dela, só que ela disse que não quer nada, mas estamos saindo faz tempo...por que ela não me avisou antes? 
Agora não quero nem saber, vou pegar minha de contatos e pegar geral, não quero mais saber de relacionamento.
- Lipe, você sempre tem mulher pra sair, agora tá preocupado com esta?
" - É que ela é diferente. Ela tem um jeito que me instiga, não fica no pé, liga pra gente se ver de madrugada, aparece do nada, some do nada...fico maluco por ela. Isto porque eu não contei o que ela faz na cam...
- Ta, chega, já entendi, não preciso ouvir isso ne? Você comentou com ela que está a fim, se dá para vocês dois tentarem algo?

" - Ta zoando ne Déo? Claro que não, só perguntei se ela queria viajar no Carnaval comigo e ela disse que queria curtir com as amigas, se eu falar ela vai sumir de vez.

Conversa 3 - Felipe nunca levou uma mulher a sério. Todas eram para a temporada da vez. Ai apareceu a Ana que levou ele direitinho para o lado de lá e sem perceber ele estava completamente a fim dela. Só que ele não disse isto pra ela. Guardou para ele e para mim. Ela é o Felipe na versão feminina e agora ele está se sentindo rejeitado e vai me matar quando ler isto aqui, desculpa ai Felipe. Um dia é da caça, outro dia do caçador. Eu to achando até que engraçado porque ele sempre fez isto com elas...

Road Trip da Nina

* Completem a frase: muitos casais não................? Não conversam. Ele não quis se mostrar interessado e convida a Ana para viajar com ele no Carnaval? Quer mais compromisso que viajar no Carnaval com algum belisco? Agora ele vai com uma turma de amigos pegar todo mundo e voltar para a rotina.
Ele até poderia dizer que a partir de agora ia mudar para conseguir um relacionamento maduro, mas é mais fácil escolher a opção da zona de conforto e ele vai permanecer em festas, baladas, beliscadas e afins! 

Estas três ligações foram no mesmo dia e eu cheguei a conclusão de que o importante é você aceitar o momento que você está. Seja ele solteiro(a), namorando, casado(a), noivo(a) ou apenas curtindo a vida adoidado!