27 de out de 2013

E agora Déo?

Querida Déo, me chamo Babi e em primeiro queria dizer que você sabe o quanto gosto dessa página e gosto de você. Vejo cada caso aqui mais confuso que o outro e por que não compartilhar a minha com vocês... 

Minha história começa em 2011 conheci um carinha em uma festa em uma cidade perto da minha por coincidência ele era da mesma cidade que eu morava.

Fomos nos conhecendo mais e acabou virando namoro. Começamos a namorar a distância até o começo desse ano. Assim que mudei de cidade, entrei na faculdade, vida nova e essas coisas as brigas eram constante. Ciúmes dos dois lados. 

Decidimos terminar.
Na verdade eu terminei porque não aguentava a falta de atenção dele. Poxa Déo imagina a situação: estou morando sozinha em uma cidade que não conheço nada e ele nem para me dar atenção? 
Por conta disto (típico de mulher boba) terminei pra que ele pudesse ver que havia me perdido, mudasse e voltasse como se fosse em novela, mas a minha vida não é novela né Déo? 

O que aconteceu? Ele não se arrependeu e não veio atrás de mim. Ai lá fui eu voltar atrás para que pudéssemos voltar. Ai numa noite chuvosa ele me disse " - Segue a sua vida que eu não quero voltar!"

Como ele foi muito claro em suas palavras obedeci: segui minha vida. 

Conheci um homem da minha idade, com as mesmas ideias que as minhas e que por sinal já era apaixonado por mim desde o ensino médio. Então acabou que ficamos, ficamos, ficamos. O meu ex descobriu de uma forma que nunca desejei pra ninguém. 

Ai sim parecia novela: a irmã do cara que eu estava ficando era melhor amiga da irmã do meu ex!!! Ou seja: a irmã contou para a amiga que era irmã do meu ex (olha o rolo). Claro e a irmã dele contou pra mãe e essa historia expandiu... 

Ele veio me perguntar e eu neguei de primeira daí ele me disse que já sabia que considerava uma traição da minha parte. Poxa Déo você acha traição? Ele mesmo que colocou um fim e que não queria ficar comigo. 

Passaram alguns dias e eu não resisti...e de lá para cá estamos ficando.
Não entendo! Eu fui namorada dele 2 anos e porque agora ele quer ser só seu meu ficante? 

Ele disse que é para deixarmos fluir e que eu forço demais a situação. Poxa! Eu ligo no celular dele e ele não atende, passa o sábado inteiro sem falar comigo só vou falar com ele na segunda. 

Sou ótima pra dar conselhos as minhas amigas mas nunca coloquei nada em pratica!! 

Preciso de ajudaaaaa!

Babi que enroscoooooo mais novela mexicana. E o pior é que tá na cara que você gosta muito dele, mas te faço uma pergunta: você gosta mais dele ou de você? Uma boa relação é aquela em que os dois lutam e se ajudam mutuamente! Se a relação é unilateral (só uma pessoa contribui para dar certo, não é saudável) 

Bjs e boa sorte! 

15 de out de 2013

Déo match um!

" - Déo você tem que entrar neste aplicativo aqui!!!!" disse Rita virando o celular dela para mim e mostrando o tal do aplicativo.

- O que ele faz? Emagrece a gente sem que a gente pare de comer?

" - Não Déo!! É sério! Ele é a sua cara!" e me explicou como funcionava...

" - O aplicativo resumidamente é uma balada virtual: você se cadastra e ele puxa seus dados do facebook e algumas fotos de capa. Seu nome não é revelado, apenas o primeiro, e, se você se interessar por alguém da foto você dá um coraçãozinho. Se ele também te der um coraçãozinho é porque deu "match" e sendo assim vocês podem conversar..."

- O que muda do bom e velho chat uol?

" - As pessoas que aparecem como sugestão muitas vezes são amigos dos seus amigos o que facilita e muito caso você se interesse...Déo entra lá!!!! " 

Lá fui eu para a tal estante virtual. No começo é meio estranho principalmente por julgar as pessoas pela foto. Depois você começa a ficar aflita porque não tá dando "match" e depois que dá "match" você pensa - o que eu to fazendo aqui!!!

O primeiro ponto estranho é: a maioria dos caras tem fotos dele no meio de mais 5 ou 6 outros caras. Dúvida - para que? E se eu gosto do amigo dele e ele nem tem este app? Vou dar coração pra pessoa errada? 
Outra coisa - eles postam fotos deles no exterior, parece que assim eles conseguem mais destaque ou interesse pelas mulheres, sei lá. É foto na neve, no barco, na lancha, no carrão em exposição, etc...

Ah esqueci de um fantástico - os que postam foto de sunga!!!! Para mim são os piores!

E tem um agravante: os caras não puxam papo!! 

Você dá a "por&¨@" do coração, dá o esperado "match" e ele não puxa assunto com você, não conversa, não fala do tempo, não fala nada. Confesso que acho um pouco estranho puxar assunto...até mesmo porque a impressão que eu tenho é que todos estão lá se escondendo em novas máscaras e já que na vida real a mulherada tá caindo matando pelo menos no virtual que as coisas sejam feitas no tempo antigo...

Poucos conversam, os que conversam não mantém a conversa e raríssimas exceções te pedem wsap já que o aplicativo vive travando e postando cinco vezes a mesma frase que você enviou! 

Ai você pensa - pediu o wsap vai conversar com você! Errado! Eles ficam com o seu número e não fazem nada!!!! Não mandam coração, não mandam sorrisos, não fazem nada!

Vou falar em números a minha experiência...
Que deu "match" - mais de 30
Que puxou papo - 6
Que pediram wsap - 3
Que conversaram depois de pedir wsap - 2
Que mantiveram a conversa depois de um tempo no wsap - 0

Ou seja, prefiro a balada real mesmo você já vê, já escolhe quem quer, se quiser beijar já beija também e com sorte dá "match" pós beijo. É mais real e mais prático. 

Quero que dê match na minha vida e não em aplicativo do celular! 

1 de out de 2013

Mais uma de amargá!

Da série “Estórias de Amargá”
Problemas no relacionamento? Chame a Magá!

Ele era de uma cidade do interior. Sempre fui doida por sotaque. Sotaque dá todo charme e eu que gosto de um bom homem bruto derreto-me.

Trabalhávamos junto e ele sempre foi atencioso acima da medida comigo. O tempo passou e a atenção foi aumentando, quase um "lord". Depois começou a investir e eu não resistia àquele sotaque. Por mal dos pecados o meu nome tinha o “R” e era de derreter ouvir aquele R puxado. Aiiiii....

Mas nem tudo são flores, amiguinhas, ele era comprometido. Pior, ele vivia junto com uma namorada de tempos. Obviamente eu não me envolveria com um cara comprometido e morando junto então nem pensar, para mim era casado, mas há tempos ele reclamava do relacionamento dizendo que estava desgastado.

É a história mais velha deste mundinho tupiniquim. Não cedi às investidas que foram aumentando. 

Um dia, em uma festa em minha casa, ele arrancou o tão sonhado beijo me apertando contra a parede. Mesmo assim não cedi. A regra é clara: Gato amarrado, nananinanão.

Ele decidiu se “separar”, mas não por minha causa. Segundo ele a relação tinha chegado ao fim. Não posso negar que me animei. Seria no final de semana e esperei ansiosa o desenrolar da história.

Na segunda-feira ele me encontrou e me disse que tinha resolvido a situação. Tudo acabado! Que ela tinha aceitado tranquilamente. Entendeu que a relação não ia bem. Tudo certo! Como ela não tinha condições de morar sozinha, decidiu ir morar com as amigas. Pediu apenas um tempo para arrumar as coisas. Aí que tá!!!!

No dia seguinte ele se comportou estranhamente no serviço e me convidou pra sair e nesta saída disse que ela havia encontrado uma mensagem minha e surtou!

Observação: não importa quão ruim, feio ou fedido for o homem que está com você. Se ele for embora: tudo bem. Se você se cansar e mandar embora: sem problemas. Agora jamais, j-a-m-a-i-s uma mulher permite ser roubada. Traída então??? Morte! Não existia nada entre a gente, mas não importa. Não faz a menor diferença para uma mulher que se sente trocada.

Ele pediu um tempo pra resolver a situação até que a gente pudesse ficar juntos. No sábado fiquei sem notícias e liguei bem cedo, mas ele não atendeu. Minutos depois recebi uma ligação do telefone dele que atendi carinhosamente, só que não era ele. Desliguei imediatamente!!

Ela continuou me ligando a manhã toda de todos os números possíveis.

Mais tarde liguei para ele e contei o ocorrido. Garantiu que iria resolver esta situação definitivamente já que estava tudo acabado.

No domingo não me ligou. Na segunda-feira cheguei no serviço emputecida. Por “sorte” (de quem?) eu sentava de frente para ele e quando cheguei vi ele abaixar a cabeça, digitar um texto por alguns minutos, pressionar o enter com força, se levantar e ir para o café. 

Imediatamente um e-mail surgiu na minha tela. Ei-lo:

“ Olá, 
Conversei muito com a “Cleide”. Descobri que ela é a mulher da minha vida e que eu a amo. Ontem nos acertamos. Inclusive ficamos noivos. Espero que esta situação não interfira em nosso relacionamento profissional e que compreenda a situação.
Obrigada.

Oiiiiii????????????????????
Voltou da cozinha com uma aliança brilhante dourada enorme no dedo!
Trabalhávamos no mesmo projeto. E ainda convivi alguns meses com aquela aliança brilhante até que ele arrumou outro emprego.

Lições do dia:
- Não acredite nunca em homens que ainda não se separaram. Que dizem que vão se separar ou que diga que seu relacionamento já era. 

- No momento do rompimento tudo pode mudar e você sair de mãos abanando e destruídas.

- Você pode realizar um trabalho beneficente, voluntário, sentimental  psicológico e de graça na vida do sujeito: Consertar o relacionamento dele.

Meses depois eles se casaram!!
É, acho que salvei este relacionamento!