7 de jan de 2014

Nasci para ser de um homem só!

É sério!

Fui criada por pais que se conheceram na escola e estão juntos até hoje (e ainda se chamam de amor - coisa mais linda)
Tenho irmãos que respeitam seus respectivos maridos e esposas...aliás, se casaram cedo também. Todos os primos e primas casados(as), amigos praticamente 100% juntados e por ai vai...

Acho que por eu ter todo este currículo ao meu redor imaginei que comigo seria assim: teria um paquera e ele pediria permissão aos meus pais para namorar comigo, depois ele me daria uma aliança de compromisso (sempre achei o máximo). Depois de uns dois ou três anos ficaríamos noivos com uma comemoração simples porém significativa e por fim ele me pediria em casamento na casa de praia que alugamos para nossos pais e parentes passarem a virada do ano! Óooooo Déo também é romântica! Que luxo! E tudo isso aconteceria até meus 25 anos!!!!!! 


O tempo foi passando e nenhum paquera me pediu em namoro muito menos me deu uma aliança de compromisso para fazer tipo e causar invejinha nas pseudo-amigas. 

Meu primeiro namorado foi a coisa mais engraçada que eu já pude ter. Eu não queria namorar ele e quando vi estávamos nos vendo todos os dias. Ai um dia eu acordei e falei: - Não quero ser namorada do Vagner! Vou terminar". Terminei. Ele chorou e me procurou meses. Eu chorei um dia porque considerava ele um amigo querido. Só.

Acho que foi ai que os deuses do amor (porque eu acredito que são vários para dar conta de tantos corações complicados e mal amados no mundo) me castigaram... 

" - Quer dizer então que ela não quis aquele cara que era absolutamente louco por ela? Ok... ela vai ver só"

De lá pra cá além de não ser pedida em namoro eu descobria que tinha namorado quando o cara sumia. 

" - Déo nosso namoro não deu certo, por isso me afastei!" 
- Oi? Namoramos?
" - Claro que sim, um namoro moderno, mas agora não dá mais!" 

E ai dá-lhe a Deozinha aqui chorando meses...e o cara sofrendo por 5 minutos.

O jogo mudou. 
Da família sou a única que mora num flat, trabalha por conta, se vira nos 30 (já já quase 40), conhece beliscos das mais diferentes formas e que por incrível que pareça não tem um belisco pra chamar de seu mesmo! 

Às vezes até aparecem uns perdidos por ai, mas com objetivos tão distantes dos meus que a reflexão que chego é que o mundo fez upload de atualizações e eu não vi. De cartas que recebíamos pelos correios hoje trocou por whatsapp! Torpedo virou luxo e ligação se alguém fizer case!!!! Porque este te ama! (a menos que sejam uns doidos de chat, tinder que você passou telefone e ele ligou pra conferir se você não mentiu).

Onde estão os paqueras que iam me pedir para namorar? Será que nenhum daqueles meninos, hoje já homens, não foram criados com uma família feliz e amorosa e que buscam a mulher da vida deles?

Nasci para ser de um homem só. Digo e repito!
Nasci para sentir meu coração batendo mais forte com a presença dele e querer que o tempo pare quando estamos juntos. Nasci para ser só sua, mas tipo assim, agiliza ai ne? Se a gente demorar muito para se encontrar nossos filhos nos chamarão de vovôs!

Reações:

5 comentários:

Ai Deo, me sinto da mesma forma...
Meu pai foi o único namorado da minha mãe, todos os primos casados, alguns com filhos até...
Amigas a maioria casadas... e eu sobrei... acho que me castigaram tbm...

Eu também sou para ser de um homem só, o problema é que hoje eles não estão satisfeitos com uma só, diante ao cardápio farto de mulheres se sujeitando ao pouco, humpf! E nesse caso, para mim pouco não interessa.

Bjus Déo,

Lilika

É meninas...mas não podemos desistir não!
Deve ter uns mocinhos com os mesmos olhares para a vida moderna que nós temos!

Beijão e vamo que vamo!

Essa de fazer planos a cada estagio da vida é complicado, todos já fizemos isso e paramos de ter fé em tudo somente pelo fato do que a gnt esperava não ter se realizado.
Posso dizer com toda certeza que tudo que esperava não aconteceu e se aconteceu, foi diferente.
Mas enfim, também acredito no seu pensamento, de um homem só, no caso de um amor só, aquele que vc sente que deve compartilhar tudo, ate seus medos.
Muitos não se contentam com uma só, vale a vc escolher um que realmente valha a pena abrir seus sentimentos.

É isso ai garota invisível, nós também somos responsáveis porque a escolha é nossa.

Bjs da Déo