5 de fev de 2015

Direto de Portugal

Fico muito feliz com o alcance que a internet permite.
Hoje a história que vou postar aqui é da Alina.

A Alina é de Portugal! Olha que demais!

" Oi Deo! Hoje finalmente resolvi escrever uma das minhas aventuras (que não são poucas)!

De hoje não passa!! E isto é uma espécie de grito de revolta.

Pronto estou mais calma...minha gente será que eu estou louca ou hoje em dia os homens só querem mulheres lindas e de boca calada sem personalidade ou com uma personalidade banho-maria (que não se pode manifestar para não dar espaço para uma má interpretação da parte dos homens)
Tenho a impressão que agora até respirar pode ser interpretado de forma negativa para a gente. Vamos voltar ao início...tudo começou "graças" ao tinder. Conheci um cara "girissimo" (ponho entre parênteses porque gostos são relativos e eu tenho uns gostos estranhos segundo as minhas amigas, e quando digo pessoa gira é sobretudo porque tem uma aura encantadora, sabe aquelas pessoas que parecem adoráveis, pois é, para mim são pessoas giras. Enfim, o rapaz parecia muito querido e logo passamos para o wattsap e facebook.
Marcámos várias vezes uma corridinha, mas nunca confirmei estas saídas. Combinamos de nos ver antes das férias (Natal), mas no dia eu dei para trás (motivo: tinha outro nas paradas e eu não estava decidia). Ele também tinha me convidado para uma festa na casa do povo (para quem não conhece é uma espécie de festa onde quase ninguém se conhece e cada um convida quem quer, os estudantes adoram fazer esse tipo de festa e eu já tinha recusado pois era no dia em que eu ia viajar (por ironia do destino ou praga perdi o vôo e lá fui com uns amigos nesta tal festa.
Foi a primeira vez que nos vimos e fiquei encantada!!!! Um doce, simpático fazendo tipo de indiferente (como a gente gosta) com um ar bem misterioso que não deixa ninguém adivinhar o que vai na cabeça dele.
A festa continuou em outro local, mas ele depois foi embora e até me ligou nessa mesma noite, mas eu não cheguei a ver. No dia seguinte falamos pelo facebook  e nos outros dias expressei o meu encantamento e ele assegurou-me que era recíproco. Garantiu que detestava falsidade, encontramos imensos pontos em comum e blá blá blá. Parecíamos dois adolescentes encantados (pensei eu), mas como eu não estava em Portugal não nos podíamos ver tão cedo, mas combinamos de nos ver no dia em que eu chegasse.
Neste período senti o clima esfriar, mas eu estava super empolgada mesmo assim. No dia em que cheguei ele mudou de planos e perguntou se eu não me importaria de ir à casa dele porque tinha muitas coisas para fazer e não tinha como sair.

Eu disse ok também não era um grande problema, mas as coisas desandaram quando cheguei um pouco atrasada, liguei ele não atendeu  e eis que passa um amigo dele (que conheci no dia da festa) e eu pergunto pelo rapaz e ele diz que o amigo estava dormindo e tinha acabado de acordar.
Oi??????? Nesse momento ele ligou para mim e pediu desculpa, que tinha adormecido e não viu a minha chamcada, blábláblá...ou seja, esse encontro começou da pior maneira já nem tinha mais clima, estava bem desiludida pela falta de entusiasmo e perdeu todos os pontos que tinha ganho, só para piorar enquanto estávamos juntos chegou outro amigo que ficou lá empatando, mas a cereja no topo do bolo foi quando ele me disse que tinha muita coisa para fazer, meio que me dispensando. Fiquei P da vida mas mantive a linha.

Fui para casa convencida que tinha sido uma catástrofe, mas curiosamente fiquei triste porque queria voltar a vé-lo ( ê se pode???) ele ainda mandou uma mensagem perguntando se tinha chegado bem a casa e eu disse que sim, mas que também não ia esquecer que ele me trocou pelas camisas dele ( sim, porque o que ele tinha para fazer era tratar das camisas, e eu sinto-me ridícula a contar isto, onde será que eu perdi o meu orgulho!!!!) e ele lá disse que não tinha me trocado por nada nem ninguém.

Como devem imaginar no dia seguinte nem sinal do finado e no segundo dia eu estava numa depressão (eu sou a mulher mais idiota desta terra! Tinha saudades dele) e lá mandei um oi no final da tarde e ele respondeu duas horas depois com um "oi desculpa a demora,tive um dia péssimo e blá blá blá" eu me derreti toda de novo, mas consciente que ele já tinha dado todos os sinais do mundo que não estava interessado e eu insistindo durante a semana toda. O pior é que já tínhamos um jantar combinado  que ele desmarcou no dia!! Não me aguentei!!!!
Mandei uma mensagem longa, mas honesta, dizendo que percebi a falta de entusiasmo e só queria que ele me confirmasse que ele já não tinha interesse em mim, que não levaria a mal, mas que precisava mesmo saber, sabem o que ele me respondeu?

Que não me queria magoar mas que viu o meu "estado" e que ficou assustado! Assustado com o quê??? Gente demonstrar interesse é cobrar alguma coisa? Eu só perguntei se ele estava interessado porque simplesmente não quero ficar imaginando coisas ou fazendo filmes na minha cabeça! E ele ficou assustado com o quê? Eu não pedi ele em casamento, não pedi um filho, nem disse que queria namorar!!!!!

Estou farta desses homens babacas que não suportam nem o interesse de uma mulher neles.
E é isso Deo. Comigo é só isso e sempre assim.
Beijo para você e para todas as que seguem o blog!"

Alina, em primeiro lugar eu gostaria de agradecer por compartilhar sua história e por visitar o blog!
Em segundo eu acho que a única diferença dos homens daqui dos homens de qualquer outro lugar do planeta é a geolocalização!!! 



Reações:

2 comentários:

Defendo a ideia de que temos que mostrar o interesse e mandar a real do que queremos pra nossa vida. Se o outro não quiser no momento ou não compartilhar da mesma ideia que você, que venha o próximo. Uma hora vai. E não sofra por ser tida como boba e nem se sinta a mais idiota da terra... Pessoas que tem bons sentimentos e tem um bom coração pra mim nunca serão vistas dessa maneira! Bjos!

Quando eu digo que as mulheres viraram apenas "rodízios" para os homens, ainda tem gente que não acredita. E a famosa "entrada" com uma, prato principal com outra, e uma para a sobremesa. E claro tem sempre aquelas que viram "os petiscos" kkkkkk. E mulherada a coisa está feia...Mas não percam as esperanças rsrsr